Guardiões da Galáxia

Li Guardiões da Galáxia #1, formato americano, 76 páginas, lombada canoa, R$ 9,40, lançado em dezembro de 2016 pela Editora Panini.

Comentário:

Guardians of the Galaxy #1: Oito meses após os eventos de Guerras Secretas. Peter Quill agora é o novo governante de Spartax. Gamora está desaparecida. Mas o universo ainda precisa de seus protetores, os Guardiões da Galáxia – Kitty Pryde, Drax, Rocky Racum, Groot, Venom e Coisa. Eles atacam uma nave chitauri e se apoderam de um misterioso artefato. Sem saber mensurar o poder do dispositivo, eles levam até Spartax, para ver se a tecnologia avançada do local pode descobrir do que se trata. Mas, não são somente os defensores da galáxia que chegam à Spartax. Uma formação um pouco diferente e novos status quo, abrindo possibilidades interessantes. Leitura satisfatória.

Drax #1: Depois de encerrar mais uma missão, os membros dos Guardiões vão para uma merecida folga e cada um segue seu rumo. Sem ter para onde ir ou o que fazer, Drax decide simplesmente que vai atrás de Thanos. Ele “toma emprestado” a nave de Rocky racum e parte em busca de sua vingança, mas acaba caindo em um planeta desconhecido. Drax foi criado para destruir Thanos, uma premissa carregada de drama e ação, mas a história também parece embarcar em tom de aventura e humor. Leitura recomendada.

Rocket Raccoon and Groot #1: Oito meses após os eventos em Guerras Secretas, Rocky Racum e Groot estão mortos e suas sepulturas são lançadas no espaço por seus companheiros guardiões. De repente, um fenômeno cósmico, e eis que surge Pcky e Shrub, dois mercenários que precisam entregar uma mercadoria para o Rei Rakzum. Eventos completamente bizarros e muito suspense para o próximo capítulo. Leitura satisfatória.

A revista ainda traz uma história publicada em All-New All-Different Marvel Point One #1, onde Rocky e Groot vão até a Terra no Halloween, em busca de um mercenário galáctico.

Por Roger

Colecionador de HQs Marvel desde 1981 quando comprei minha primeira HQ Heróis da TV Nº 21 pela Editora Abril e HQs DC desde 1984 quando a Abril lançou os três títulos: Super-Homem, Batman e Heróis em Ação. Durante a década de 90, por motivos pessoais, fiz uma pausa, mas retornei em 2000 lendo algumas histórias do universo Ultimate.