Uma adaptação do jogo/livro The Witcher de Andrzej Sapkowski está atualmente em desenvolvimento pela Netflix.

Como revelado através do comunicado de imprensa da Platige, a série de 8 livros está sendo transformada em uma série de drama produzido pelo serviço de streaming popular Netflix. A história dos livros gira em torno das aventuras de Geralt de Rivia e sua busca como um witcher. Witchers são considerados como caçadores de monstros, que desde pequenos são treinados e tem seus corpos alterados para suportarem feitiços e processos de alquimia.

Esta não é a primeira vez que a saga Witcher foi adaptada em uma série de TV. De fato, em 2002, um programa apelidado de The Hexer foi lançado na Polônia. Antes disso, uma iteração de filme com o mesmo título e material de origem também foi lançada. Ambos os projetos foram dirigidos pelo diretor polonês Marek Brodzki, com o ator Michal Zebrowski assumindo o papel de Geralt em ambas as produções. Infelizmente, os projetos foram mal recebidos, com o próprio Sapkowski decepcionado com a qualidade das produções.

Desta vez, no entanto, parece que o autor polaco está mais do que empolgado com o tratamento da TV da propriedade, especialmente com ele sendo convidado para servir como um consultor criativo para a série:

“Estou muito satisfeito por a Netflix estar fazendo uma adaptação de minhas histórias, mantendo-se fiel ao material de origem e aos temas que eu passei por mais de trinta anos escrevendo. Estamos entusiasmados com nossos esforços para realizar isso, assim como a equipe que está sendo selecionada para trazer estes personagens à vida.”

Os chefes da empresa Sean Daniel e Jason Brown, juntamente com Tomek Baginski e Jarek Sawko da produção polonesa e da casa VFX Platige Image, serão produtores co-executivos da série. Daniel e Brown expressaram seu entusiasmo sobre o projeto:

“As histórias de The Witcher seguem uma família não convencional que vem junto para lutar pela verdade em um mundo perigoso. Os personagens são originais, engraçados e constantemente surpreendentes e não podemos estar mais ansiosos para trazê-los à vida na Netflix.”

Além de grandes e pequenas adaptações de tela do The Witcher, também tem sido usado como a narrativa para a franquia de videogame do mesmo nome. A trilogia consiste em The Witcher de 2007, The Witcher 2: Assassins of Kings de 2009 e The Witcher 3: Wild Hunt de 2015. Baginski, que dirigiu os vídeos prelúdio para todos os jogos de vídeo, é esperado para dirigir pelo menos um episódio por temporada do novo show da Netflix.

E aí, será que desta vez teremos uma adaptação descente e fiel ao The Witcher? Comentem!!!

Conhecido como Seth Barba ou a Fúria em pessoa, meu dilema é "porque zerar algum jogo amanhã sendo que posso zerá-lo hoje?" Além de amar os games, séries e bateria (instrumento musical) são outros hobby muito importantes em minha vida.