LEGIÃO - DARKSIDE - MULTIVERSO NEWSWilliam Peter Blatty está entre nós. O legado do autor do clássico O Exorcista finalmente ganha uma edição brasileira feita por quem tem a mesma adoração pelo terror que seus leitores mais fanáticos. A Editora Darkside como uma das icônicas editoras nacionais do gênero trará LEGIÃO a continuação direta do clássico O EXORCISTA.

Legião é considerado a verdadeira continuação de O Exorcista publicado em 1971. O grande trunfo da editora é ter conseguido finalmente trazer LEGIÃO para ser publicado com seu nome original idêntico ao romance de 1983.

Assim como em outros lançamentos da Editora Darkside, LEGIÃO segue o mesmo padrão de qualidade, com sua capa dura e detalhes diabolicamente bem elaborados.

Caso queira tornar a leitura de LEGIÃO um pouco mais “interessante” a própria editora recomenda que você emende a leitura de LEGIÃO com o livro Exorcismo, de Thomas B. Allen, livro que detalha o caso real de possessão demoníaca que inspirou a criação de O Exorcista.


Sinopse:

A história começa dez anos depois do exorcismo de Regan MacNeil, a jovem menina endiabrada. Só que agora o sobrenatural ganha também uma pegada de romance policial.

O detetive (e cinéfilo nas horas vagas) William F. Kinderman volta à cena, investigando uma série de assassinatos brutais — entre eles, a crucificação de um garoto de apenas doze anos. O modus operandi dos crimes parece indicar a assinatura mórbida do assassino em série Geminiano. Mas como solucionar um caso em que o principal suspeito está morto há mais de uma década?

Para criar o personagem Geminiano, Blatty se inspirou no Zodíaco, lendário serial killer que aterrorizou a Califórnia entre os anos 1960 e 1970, e que até hoje não foi identificado pela polícia. Zodíaco, pelo visto, era fã da obra do autor. Em 1974, o assassino enviou uma carta ao San Francisco Chronicle elogiando o filme O Exorcista como “a melhor comédia satírica a que já assisti”.

Uma curiosidade: aproveitando o sucesso de crítica e bilheteria do primeiro filme, O Exorcista II — O Herege chegaria aos cinemas em 1977. No entanto, este filme não teve nenhuma participação criativa do autor. Por isso mesmo, o livro LEGIÃO é considerado como a verdadeira sequência da obra-prima de Blatty

LEGIÃO - DARKSIDE - MULTIVERSO NEWS

William Peter Blatty escreveu sobre demônios, mas também fez o mundo rir com o Inspetor Closeau. É dele o roteiro de Um Tiro no Escuro (1964), o segundo e melhor filme da série A Pantera Cor-de-Rosa. Até então autor de comédias, Blatty lançaria seu livro mais famoso em 1971 — a obra prima de terror O Exorcista. Dois anos depois, adaptou o livro para o cinema, e ganhou o Oscar de melhor roteiro. Dirigiu dois filmes, entre eles O Exorcista III, baseado em Legião. William Peter Blatty deixou o plano material em janeiro de 2017, aos 89 anos. Católico fervoroso, acreditava na vida eterna, como escreveu em seu livro de memórias: “Para todos aqueles que perderam um ente querido para essa fraude chamada Morte”.

Leitor compulsivo, bebedor de café e entusiasta quando se trata de livros. Me tornei uma pessoa melhor depois da leitura. Seja ficção ou realidade, existe muito mais coisas a se observar e refletir dentro deste Multiverso. Seja bem vindo e não saia daqui!